Castelhano | Português
 
 

.:Artigos

  Notas

  Notícias

 
 
 

Artigos

A Volta Para o Presente

Gil Cordeiro Dias Ferreira*

“Quer me parecer que nenhum adivinho

seja capaz de olhar para outro sem rir.”

(Marcus Tulius Cicero – H 106 A.C. – U 43 A.C.)

Por certo a maioria dos que lêem este texto se recorda da afamada série de três comédias ficcionais de Steven Spielberg, estreladas por Michael J. Fox, que ostentavam o inusitado título “De Volta para o Futuro”. Só depois de assistir à primeira delas é que se podia compreender o sentido dessa denominação: na realidade, o “herói” viajava ao passado, solucionava antigas pendências e ”voltava ao futuro”, ou seja, ao seu verdadeiro presente, já modificado segundo suas conveniências.

Hoje em dia, de certa forma, as instituições públicas e privadas, com ou sem fins lucrativos, têm feito algo análogo, na busca de soluções para os variadíssimos problemas com que vêm se defrontando, por força das grandes turbulências atuais - como o personagem de Michael J. Fox, viajam no tempo, mas não para o passado, e sim para o futuro – e voltam ao presente. Em outras palavras: ao “viajarem”, tentam visualizar o que as esperará, dentro de um horizonte preestabelecido – digamos, cinco ou dez anos; a seguir, “voltam ao presente” e adotam decisões supostamente capazes de fazer face aos impactos que advirão naquele prazo, sejam eles favoráveis ou não a seus intentos. Ou seja, intentam “modelar seu futuro” segundo suas conveniências, como o personagem dos filmes fazia com o passado.

Essa “visualização do amanhã”, seguida da adoção, hoje, de posturas pró-ativas, nada mais é do que a Análise Prospectiva, isto é, a identificação de vários Cenários Futuros , suas conseqüências para a instituição que realiza o estudo, as medidas que deverá adotar desde já para enfrentar essas conseqüências e as mudanças que essas medidas poderão acarretar para alguns de seus referenciais básicos, como a missão , os objetivos estratégicos , as políticas e diretrizes , as estratégias , os fatores críticos de sucesso , os macroprocessos e até mesmo a visão , os valores e o próprio negócio .

Dois aspectos importantíssimos devem ser considerados nesse mister:

1 - Prospectiva não é “previsão” ou “adivinhação”, nem implica “acertar” o futuro; a prospectiva busca identificar futuros possíveis, cada qual dispondo de uma probabilidade relativa, e indicar ações que devam ser desencadeadas desde já, para que possamos aproveitar esse futuro, se presumivelmente favorável a nós, modificá-lo a nosso favor, se estiver ao nosso alcance fazê-lo, ou simplesmente nos protegermos dele em caso contrário; e

2 - cumpre manter em mente que os cenários mudam a cada instante, nestes tempos de globalização, internet, celulares e outros produtos de alta tecnologia; por conseguinte, é imprescindível que se monitorem permanentemente as variáveis ambientais (políticas, econômicas, sociais, de segurança institucional, científico-tecnológicas) e o comportamento dos atores relacionados às nossas atividades (clientes, fornecedores, parceiros, novos entrantes, substitutos, concorrentes, governo), de sorte a nos mantermos aptos a rever nossas decisões.

As diferentes metodologias de identificação de cenários prospectivos disponíveis no mundo são, todas, baseadas em pressupostos científicos, geralmente empregam softwares sofisticados para serem operacionalizadas e se servem de ferramentas administrativas modernas e poderosas, como a Gestão do Conhecimento (“Knowledge Management”- “KM”), a Inteligência Competitiva (“IC”) , o “Business Intelligence”(“BI”), e a Gestão do Relacionamento com Clientes (“Customers Relationship Management” – “CRM”).

Nesse terreno, podemos orgulhosamente afirmar que o Brasil também é pioneiro. Desde 1996, uma empresa carioca – a Brainstorming Assessoria de Planejamento e Informática Ltda – vem realizando cursos e consultorias de Planejamento Estratégico e Análise Prospectiva, empregando software por ela desenvolvido – o Puma , que já se encontra em sua quarta geração, e do qual uma versão “trial” pode ser baixada diretamente do site da empresa (http://www.brainstorming.com.br). O elenco de clientes do Puma , por si só, já sugere uma visita à página da Brainstorming: Banco do Brasil, Departamento de Polícia Federal, Marinha do Brasil, Secretaria Nacional de Segurança Pública e Brazshipping Marítima.

Nosso propósito, com este artigo, é motivar os leitores para essa moderna tendência, na área da gestão empresarial: a busca de uma Visão de Futuro , provida por Cenários Prospectivos, que nos permita, após essa “viagem”, trazer “de volta ao presente” um repertório de ações a realizar, tidas como capazes de nos preparar, desde hoje, para o amanhã. Riscos sempre haverá, naturalmente, uma vez que são inerentes a quaisquer atividades humanas, e só não existiriam se o futuro fosse único, certo e previamente conhecido. Mas nessa hipótese, a vida seria inteiramente desprovida daquele inigualável “sabor do desconhecido” que impele a humanidade para diante desde tempos imemoriais, e a única certeza seria a morte.

Queremos também tornar pública a disponibilidade de uma boa ferramenta, genuinamente brasileira, já bastante testada no mercado, capaz de, por um lado, impedir que repitamos equívocos famosos do passado, na área das “predições”, como o final dos tempos que ocorreria em 2000 ou a guerra termonuclear entre os EUA e a ex-URSS, e, por outro, ajudar-nos a “modificar o futuro”, prevenindo-nos contra catástrofes que se prenunciam, como a degradação ambiental e a violência decorrente da proliferação das drogas. Em suma, para construirmos um mundo melhor.

*Gil Cordeiro Dias Ferreira é Administrador e Consultor de Empresas.

Contato: gil@brainstorming.com.br

 
 

...................................................................................................................................................

 

 
 
Fale Conosco

 
Envie uma mensagem instantânea.
*Campos obrigatórios

Assunto:
Nome*:
Telefone*:
E-mail*:
Mensagem:
 

Fale com a diretoria no telefone: (55) (21) 9853-8350

Envie um e-mail para: contato@fabricaabstrata.com.br
 
 
 

 
   
 
 
 
 
  fábrica abstrata planejamento, sistemas e design
fone: (55) (21) 9853-8350 - e-mail: contato@fabricaabstrata.com.br
rio de janeiro - rj - brasil
 
©2006 fábrica abstrata
projeto webdesign e Samuca Websites